Segunda-feira, 20 de Novembro de 2006

O Círculo

       De várias proveniências, cores, tamanhos, parecendo todos diferente, os gatos foram aparecendo para jantar e para se reunirem e formarem um círculo que finalmente se materializava fisicamente, após anónimas trocas de miados em distantes quintais... E, nessa altura, pouco interessou aquilo que os diferenciava, tal como nunca lhes tinha interessado, quando apenas se contactavam à distância.  E haviam gatos e gatas, gatos grandes, outros mais pequenos, mais gordos, mais magros, de uma só cor, listados, malhados... Enfim... Uma grande gataria...

      No fundo eram todos habitantes daqueles quintais, todos eles diferentes e singulares na sua maneira de ser. É verdade que partilhavam entre si muita coisa, muitas ideias, mas também não escondiam as suas diferenças e talvez tenha sido essa singularidade que os tivesse aproximado em primeiro lugar. Aqueles não eram gatos de pilhas, capazes apenas de uma ou duas acções programadas e de emitir apenas uma limitada gama de sons programados. Aqueles eram gatos que gostavam de pensar pelas suas cabeças, com personalidades bem vincadas e isso fascinou e fascina o gato viseense que vos narra esta história.

  E os gatos e gatas lá se juntaram, ficando apenas a impressão que o tempo foi muito pouco, pois cada um daqueles gatos e gatas merecia muitas horas de miados. Aqueles eram bicharocos fascinantes. Daqueles que eu penso haverem poucos, daqueles que eu gostava de saber que haviam mais. Bastava ouvi-los falar para nos apetecer pedir-lhes que ficassem ali a miar durante horas a fio... Mas o tempo e os condicionalismos da vida também condicionam esta gataria... E o momento durou pouco! E esta mesa redonda ( conclusão a que eu e outros gatos chegámos depois ) teria dado muito jeito nesse jantar para que todos pudessemos escutar aquilo que cada um ia miando. Mas foram horas maravilhosas, em que, por vezes, me perdi apenas na pura contemplação daqueles amigos que tomavam forma. Horas que ficaram arquivadas num cantinho especial de mim. Agora aguardo a próxima vez que os muros dos quintais sejam transpostos e voltem a surgir aqueles rostos que tanto prezo...

   Uma palavra especial para uma gata de Alcochete que nos cedeu o seu quintal. Nós ( mio por nós e pela gataria do Porto ) ficámos fascinados! A nossa amável e carinhosa anfitriã, que gosta de se esticar ao sol e sentir a areia daquele lugar fantástico que escolheu para viver, mostrou ser não só bonita de nome, mas também no seu interior. Ela e a sua família são pessoas maravilhosas e fascinantes. Até custa a crer que existam! Eu e a Anabela jamais os esquecermos!

  Até á próxima, amigos!

publicado por sá morais às 12:01
link do post | comente aqui! | favorito
|
9 comentários:
De rui martins a 20 de Novembro de 2006 às 13:47
gatos? hem?! e pensar que eu tb estive com um Post quase escrito em que a imagem ilustrativa era...um bando de pinguins "conversando"...


De Elise a 20 de Novembro de 2006 às 14:57
Demais! Miuuu


De tb a 20 de Novembro de 2006 às 15:33
Só faltou a mesa redonda e que alguns gatos tenham tido imposições de regressarem depressa ao seu quintal. De resto... que venham mais!
Quanto às lembranças ficam gravadas por aqui também.
Grande beijo


De Kaos a 20 de Novembro de 2006 às 16:07
São estes os momentos em que gostava de ter a arte e o engenho da escrita para poder dizer aquilo que realmente gostava de dizer sobre o dia, mas sobretudo sobre as pessoas que conheci e já guardo num local especial. Foi fascinante ver como todos os que ali se encontravam faziam um todo com a honestidade dos seus blogs. Dificilmente se poderia ter envcontrado um grupo em que me sentisse melhor. Claro que para isso, a TB tem muitas culpas e para ela (e para o companheiro Vitor) um o muito, mas muito grande obrigado pelos momentos e pela experiencia que me proporcionou. Fiquei com o sabor a pouco e com uma vontade imensa de repetir o mesmo prato mais e mais vezes.
Obrigado a todos. Voces são o melhor post que alguma vez vi.
abraço para os meninos e bjs para as meninas.


De Outsider a 20 de Novembro de 2006 às 18:26
Assino, subscrevo e concordo plenamente com tudo o que disseste. Tenho muita pena de não ter o dom da escrita, mas ao menos tenho um amigo que o possui e explanou o que eu gostava de ter dito mas não fui capaz por falta de talento.

As horas voaram e soube realmente a pouco. Temos que repetir brevemente.

A todos um muito obrigado e até já.

Abraços para quem é de abraços e beijos para quem é de beijos.


De TiBéu ( Isa) a 20 de Novembro de 2006 às 23:14
Mas que post tão engraçado, e como estão todos tão bem dispostos, isto só coisas do nosso amigo Sá. Agora já nem visita a tibéu que pena, até tenho medo a incomodar com os meus comentários. bj gr.


De kaotica a 20 de Novembro de 2006 às 23:37
Miiiaaau!!! Miaaaaau! Renhaaau nhaaau!

Só me apetece fazer ronrons a este post!!! Ainda para mais logo hoje vem-me mesmo direitinho ao coração pois ao fim de uma desaparição de 5 dias a minha gata mais vadia voltou ao quintal. Será que foi a algum encontro de amigos bloguistas? Se sim aposto que não teve tanta sorte com o restaurante pois vinha esfomeada!

Um enorme e sentido ROOOOOM ROOOOOM para todos vós!


De Dae-su Oh a 21 de Novembro de 2006 às 14:31
O teu texto diz tudo... :) Foi um prazer.


De PiresF a 21 de Novembro de 2006 às 17:51
Cá está, a tal eximia arte de contar uma história.
A minha vénia Senhor Escritor, por mais este bocadinho.

Como já referi antes e digo-o agora com excelso prazer; foi um dia a repetir. Este soube a pouco e, como diz o “Nosso escritor” (não abdico do nosso) na sua história, recomenda-se a tal mesa, qual távola redonda em que se reunirão tão briosos cavalheiros e maravilhosas damas.

Grande abraço a todos.


Comentar post

IdeiasFixas

pesquisar

 

Dezembro 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
16
17
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
31


conversa recente

Retratos ( reais ) de Vis...

A "outra" verdade sobre V...

Viseu: qualidade de vida ...

Viseu: Qualidade de Vida ...

A verem-se gregos, não pa...

OPORTUNIDADE!

Goor - A Crónica de Feagl...

Goor - A Crónica de Feagl...

Natal 2011 - Regresso dos...

Regresso dos Deuses - Reb...

Ficheiros

Dezembro 2015

Setembro 2015

Julho 2015

Junho 2015

Agosto 2013

Janeiro 2013

Fevereiro 2012

Outubro 2011

Setembro 2011

Julho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Fevereiro 2011

Março 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

tags

todas as tags

Amigos e Conhecidos

eXTReMe Tracker
We talk about everything! Visit us! Falamos de tudo um pouco! Visite-nos
Blog directory
Blog Directory & Search engine
Estou no Blog.com.pt
Blogalaxia

adopt your own virtual pet!

subscrever feeds