Terça-feira, 15 de Agosto de 2006

Rapidinhas

A Polícia Judiciária (PJ) prossegue as investigações sobre o homem suspeito de fogo-posto na serra do Marão, localizado no passado sábado pela GNR de Amarante, mas não o deteve ainda nem procedeu à sua apresentação em tribunal. Claro, em liberdade é que eles estão bem para continuarem a sua missão. E, às tantas, também é maluquinho...

Um homem de 67 anos, natural de Reigoso, concelho de Oliveira de Frades, distrito de Viseu, morreu ontem à tarde quando tentava salvar a sua propriedade e os canos de água que abastecem a habitação. Se o fogo onde este homem morreu foi fogo posto, o possível suspeito deveria ser condenado por homicidio! A impunidade tem de acabar!

Parece que o Hezzbolah disparou hoje alguns rockets! Cuidado... Depois que paga são os civis do Líbano! E dizerem que é Deus que os dispara e guia não é uma desculpa muito... aceitável nos dias que correm... Que se resguarde esta paz para que os israelitas retirem, os rockets sejam silenciados e as populações civis possam ter uma paz duradoira.

André Costa Ramos Bordalo é o nome do jovem português de 19 anos, que ontem foi assassinado na praia de Copacabana, Rio de Janeiro, onde passava férias com os pais. Jovem e herói, diria eu, apesar de a sua valentia, ao tentar impedir um assalto, lhe ter custado a vida. Infelizmente, o Brasil é ainda um país de grande violência e criminalidade. É pena... Aquele grande país podia ser um paraíso na Terra...

publicado por sá morais às 15:46
link do post | comente aqui! | favorito
|
6 comentários:
De Sofia Gonçalves a 15 de Agosto de 2006 às 17:33
Agora pergunto: Há leis em Portugal? PArece que quem faz o mal , nunca tem o seu castigo. As unicas leis neste pais, são as dos pagamentos dos impostos, o resto é mato. depois não se admire, se todos os anos é a mesma saga dos fogos. Prendem os suspeitos, mas depois soltam-los...Já não ha pachorra para ouvir estas noticias.Qualquer dia viro criminosa!!!Parece queé o que está a dar neste Portugal dos Pequeninos....


De sá morais a 15 de Agosto de 2006 às 22:40
Podes crer que nãO há pachorra para esta situação e para o ano vamos estar aqui a falar do mesmo...

Olha que fazia cá faLta um Robin dos Bosques! :) Mas com tantos Xerifes...

jinho


De rui martins a 15 de Agosto de 2006 às 20:55
1. é muito dif´cil provar em tribunal e condenar casos de fogo posto... por isso a aposta na prevenção (limpeza das matas, reordenamento, repovoamento) devia ser absoulta, assim como a aposta na vigilância (exército, uavs, etc.). Isso e tornar eficazes os nossos lentos e privilegiados tribunais...

2. Isso já aconteceu em 2003 (ou 2004?) no Algarve e acho que o incendiário não foi julgado como homicida... A não estar enganado isso prova o que escrevi em 1. sobre o nosso sistema judicial e sobre os nossos "juízes". A impunidade tem mesmo q acabar... mas quem tem força para se impôr aos Juízes?

3. O hezbollah tem levado da cabeça dos israelitas desde que começou oficialmente o cessar fogo... Parece ser uma resposta, mas uma resposta simbólica. O Hezbollah já provou que é capaz de fazer cair foguetes nas cidades israelitas e estes cairam (intencionalmente?) em zonas desabitada... Isto é: foram apenas uma expressão de força.

4. O Brasil tem q aprender a vencer o seu grande problema que é o da criminalidade (organizada e não só), enquanto não o fizer, nunca poderá ser a potencia mundial que tem o direito de ser e que a História e Vieira e Agostinho lhe prometeram... Enquanto os brasileiros viverem com medo, acossados pelo Crime, nunca poderão ser esse "Portugal do Futuro" dos profetas do Quinto Império... E nós (portugueses) nunca poderemos auxiliar o Brasil a cumprir esse seu destino sempre (até agora) adiado...


De sá morais a 15 de Agosto de 2006 às 22:38
1- O pior é quando é provado mas os tipos são soltos... A prevenção é parte da solução, mas nunca a solução total, como alguns figurões querem fazer parecer... 5% de fogo de origem criminosa?? No way!

2- Infelizmente, os juizes fazem parte do "sistema"...

3 - Julgo que o Hezzbolah disparou primeiro... Falha de comunicação? Tanto de um lado como de outro devem haver facções que não queriam o fim do conflito... Apenas uma história sem nada para o caso - Houve um japonês que ficou 30/40 anos numa ilha sem saber que a Segunda G.G. tinha acabado.

4- completamente de acordo. é uma pena a situação do Brasil...


De Kaos a 16 de Agosto de 2006 às 12:22
Há que criminalizar e penalizar quem queima o nosso país. Não só o labrego que leva o isqueiro, mas também quem lhe paga para o fazer. Concordo que a prevenção é fundamental, mas não chega. A nossa justiça tem de mudar e ganhar rapidez a resolver estes casos.
Quantp à paz, não sei se vai durar muito. Enquanto não resolverem o problema palestiniano e dos territórios ocupados haverá sempre razões para a guerra, e o pior é que há muitos que querem que ela subsista.
O Brasil vai continuar a ser como é enquanto as disparidades sociais se mantiverem. A pobreza é a causa de muito do crime que por lá existe.
abraço


De Roberto Arruda a 3 de Setembro de 2006 às 18:17
Sou Brasileiro, moro no Rio de Janeiro, exatamente em Copacabana, desde os 3 anos de idade. O que posso deixar aqui como testemnhuo é o seguinte: O Rio é um lugar muito bonito, mas realmente muito violento, principalmente para quem não sabe andar nele. Eu nesses 32 anos que moro em Copacabana (a um quarteirão da Praia, onde o rapaz português foi morto), só fui assaltado 3 vezes, assim mesmo há mais de 10 anos, quando ainda não tinha muito costume em andar sozinho pelas ruas. Existem locais e horários certos para andar nas ruas. Mas o caso do rapaz assassinado foi durante o dia, em pleno sol. Como explicar isso? Vamos lá: os criminosos cariocas tem um olho clínico para saber quem é brasileiro e quem não é. O turista geralmente usa roupas diferentes do brasileiro (não deveriam usar, pois isso chama a atenção). Andar com máquinas fotográficas penduradas no ombro ou no pescoço, relógios caros, carteira recheada de dinheiro à mostra, são uma estupidez até para os brasileiros mesmo, quanto mais para um turista. Nunca vi nenhum carioca ir para o meio da praia de Copacabana, com calça, camisa e mochila nas costas, como se estivesse indo fazer uma expedição ou safari. Na praia, se vai com roupa de praia, que aqui se chama sunga (para homens) e biquini (para mulheres), aí em Portugal não sei qual o nome que dão. Se você vai para o meio da areia todo vestido e com uma mochila, só por isso já vai chamar a atenção de todos, bandidos ou não. Outro erro crasso, que nem brasileiros podem cometer: estar em um lugar sem prestar atenção em quem está em volta. O rapaz portugues (segundo testemunhas que estavam no local) já estava sendo observado pelo negro que o matou. O negro esperou os pais do rapaz irem para a água, para então dar o bote na mochila. Se eles tivessem sido um pouco mais observadores, veriam que o negro (que tem uma aparência realmente assustadora, para quem o viu nos jornais e na TV) já estaria sentado na areia perto deles, com uma atitude estranha, observando-os. Se eu estivesse sentado na praia (coisa que não faço, porque apesar de morar ao lado da Praia de Copacabana, não gosto de sol, praia, samba, futebol, e de todas essas coisas que brasileiro gosta) nunca iria ficar distraído olhando para o céu ou para o mar enquanto um negro com uma aparência daquelas estava sentado por ali me olhando. No minimo eu ia pensar duas coisas: ou que ele era homossexual e estava querendo alguma coisa comigo, ou que ele queria me assaltar (o que seria mais provavel, sendo uma pessoa com aquela aparência). Portanto, qualquer um, brasileiro ou turista, seja no Rio, em Nova York ou na Africa do Sul, não pode ficar na rua como se estivesse no Jardim do Éden. Tem que saber que está exposto a tudo e a todos. E prestar a tenção em tudo que estiver ocorrendo em volta. Se alguem está se aproximando de você de forma suspeita, se estão te olhando estranho, se as pessoas em volta tem uma aparência estranha, tudo tem que ser visto.
Infelizmente os seres humanos são diferentes uns dos outros, há os de bom caráter, e há os de má índole, isso no Brasil, em Portugal, na China, em qualquer lugar onde exista gente. No Brasil especificamente, a questão da desigualdade social é um agravante terrível, em parte causada pela escravidão nos séculos passados (um crime igualmente hediondo), onde não se deu aos negros depois de libertos condições de estudo e trabalho, o que fez a maioria cair na miséria e alguns na marginalidade. A maior parte dos criminosos no Rio são descendentes destes ex-escravos que não tiveram possibilidade de ascender socialmente, e que acabaram formando as tão conhecidas favelas, verdadeiros bolsões de pobreza e crime no meio das cidades. Para quem quiser me acusar de estar discriminando os negros ou favelados, posso comprovar o que estou dizendo: o assassino do rapaz portugues é um negro e morava numa favela de Copacabana, no local conhecido como Morro da Babilônia. Contra fatos não há argumentos. Provavelmente é viciado em drogas, talvez estivesse drogado na hora em que matou o rapaz. Pode ter tentado roubar a mochila para vender o que tinha dentro dela, e com o dinheiro comprar maconha ou cocaína. Enfim, o Rio não é realmente um lugar onde reine a paz e harmonia. É um lugar problemático. Mas será que a causa é mesmo só a pobreza?


Comentar post

IdeiasFixas

pesquisar

 

Dezembro 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
16
17
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
31


conversa recente

Retratos ( reais ) de Vis...

A "outra" verdade sobre V...

Viseu: qualidade de vida ...

Viseu: Qualidade de Vida ...

A verem-se gregos, não pa...

OPORTUNIDADE!

Goor - A Crónica de Feagl...

Goor - A Crónica de Feagl...

Natal 2011 - Regresso dos...

Regresso dos Deuses - Reb...

Ficheiros

Dezembro 2015

Setembro 2015

Julho 2015

Junho 2015

Agosto 2013

Janeiro 2013

Fevereiro 2012

Outubro 2011

Setembro 2011

Julho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Fevereiro 2011

Março 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

tags

todas as tags

Amigos e Conhecidos

eXTReMe Tracker
We talk about everything! Visit us! Falamos de tudo um pouco! Visite-nos
Blog directory
Blog Directory & Search engine
Estou no Blog.com.pt
Blogalaxia

adopt your own virtual pet!

subscrever feeds