Sábado, 27 de Setembro de 2008

Uma Casa sem Portas

 

Pondo de lado os repetidos e serôdios argumentos ideológicos da esquerda e da direita, sempre imaculados e dogmáticos aos olhos de quem vive imerso nessas limitações de discernimento, urge reconhecer uma verdade incontornável: há por aí muita gente boa, honesta, trabalhadora a entrar no nosso país, mas também há muito lixo, muito criminoso, muita gente que só vem engrossar as fileiras de bandidagem já existente.

Ignorar ou refutar esta realidade só poderá revelar ignorância sobre a dita ou então demonstrar o desejo de se ser mais um palerma do politicamente correcto.

É urgente ( vital mesmo ) que haja uma cuidadosa filtragem relativa a quem entra no nosso país, que possa separar o trigo do joio e que impeça a entrada de maus elementos.

Um país é como uma casa ( diferindo deste conceito apenas na dimensão ) e não me parece que os caros leitores abram a porta da vossa a qualquer um que vos venha bater à porta... E o Estado não pode "abrir a porta" das vossas casas a toda a gente, desejando apenas encher os cofres com o dinheiro dos imigrantes.

E também defendo a imediata repatriação que quem viole as nossas leis! E defendo igualmente que os outros países façam o mesmo em relação sua à imigração, mesmo que isso implique que hajam portugueses a serem recambiados.

 

 

publicado por sá morais às 10:43
link do post | comente aqui! | favorito
|
Segunda-feira, 25 de Agosto de 2008

Povo: Voltemos ao pelourinhos e à corda!!

 

Um casal de idosos (Manuel Marçal da Silva, de 77 anos, e Brígida da Piedade, de 80 ) foi violentamente assaltado na noite de sexta-feira, em Águas Belas, Ferreira do Zêzere, tendo a mulher acabado por falecer devido aos ferimentos sofridos.

O homem, que se encontrava na mesma casa que a idosa e as autoridades acreditam tratar-se do seu marido também ficou “muito mal tratado”, tendo recebido assistência hospitalar.

Segundo fonte da GNR, o casal foi violentamente espancado e roubado por três indivíduos, tendo aquela força mobilizado meios para encontrar os assaltantes.

Os militares foram chamados ao local do assalto por volta das 20h00, tendo prestado a primeira assistência aos idosos.

Devido ao morte da mulher, que faleceu já no hospital, a Polícia Judiciária (PJ) foi chamada ao local para recolher provas e indícios que levem à identificação dos assaltantes.

in CM

Digam lá o que estes três filhos da puta mereciam?! Então não era voltar a pendurar esta malta nos pelourinhos e a deixá-los lá a apodrecer para memória futura?!

publicado por sá morais às 17:22
link do post | comente aqui! | ver comentários (4) | favorito
|

Que bem teria ficado uma arraial de porrada e uns ossos partidos!

Um homem, de 33 anos, tentou ontem à tarde, em Peniche, roubar um carro no interior do qual se encontravam duas crianças, de 8 e 13 anos, filhos da condutora. O assaltante ainda conseguiu ligar o motor e fazer marcha-atrás, mas foi impedido de seguir viagem por populares, que se aperceberam da situação e conseguiram retirá-lo do carro e imobilizá-lo até à chegada de um carro-patrulha da PSP.

 

in CM

E vivam os populares que o fizeram ( só não levam mais vivas porque não sei se lhe cascaram... ), já que o código penal o deve ter posto imediatamente em liberdade. E se ele levava as crianças??

publicado por sá morais às 16:17
link do post | comente aqui! | ver comentários (5) | favorito
|

...

"O director do Observatório de Segurança disse hoje que a criminalidade violenta «chegou para ficar e conquistar terreno» em Portugal, com grande capacidade de organização e qualidade de meios, tal como já acontece no resto da Europa (mais aqui). "

Significa esta informação o reconhecer da impotência das “nossas” autoridades face à criminalidade? E pelo facto de no resto da Europa acontecer temos de aceitar o mesmo cá? E aonde entra a aceitação do nível de vida lá fora na Europa em vez do nosso?

 

in CARVALHADAS

 

Postado por A.Torres

 

publicado por sá morais às 15:13
link do post | comente aqui! | ver comentários (1) | favorito
|
Terça-feira, 19 de Agosto de 2008

Viseu: Tiroteio em bairro social

Um desentendimento entre famílias do bairro social da Paradinha, em Viseu, e um clã de Coimbra terminou com vários disparos de armas de fogo. Os tiros não provocaram vítimas. A PSP revelou ontem que encontrou no local, no domingo, sete invólucros. Segundo os moradores, terão sido disparados pelos que residem em Coimbra.

retirado de CM

 

"Portugal não pode permitir estes níveis de criminalidade organizada e fortemente armada, que põe em causa – quotidianamente – a segurança dos portugueses."

 

Postado por A.Torres

 

 

publicado por sá morais às 15:46
link do post | comente aqui! | ver comentários (1) | favorito
|
Segunda-feira, 18 de Agosto de 2008

A Faixa De GAZA tão pertinho...

( Actualmente num bairro cada vez mais perto de si... )
"Três dos bairros mais problemáticos da Grande Lisboa foram este domingo palco de verdadeiras batalhas campais entre gangues, onde se misturaram confrontos físicos, apedrejamentos, tiros de zagalote e correrias em automóvel. No total, um morto e cinco feridos (mais aqui)."

Seria curioso saber quantos bairros problemáticos tem Lisboa. Seria interessante se o ministro Rui Pereira, à semelhança do que tem acontecido, afirma-se que a criminalidade está a diminuir e apresentasse estatística a provar esse facto. Não é que estamos muito interessados a vê-las na parte que respeita a esses bairros problemáticos? Quanto ao que verdadeiramente se passa no país, é sempre delicioso ler os comentários do politicamente correcto.

 

 

Que país é este aonde um grupo de cowboys anda a disparar contras todas as pessoas que com quem se cruzarem nas ruas? O sentimento de impunidade é tanto que nem temem andar pelas ruas aos tiros atingindo pessoas discriminadamente. Ao contrário do que o politicamente correcto nos impinge, isto está muito mau, mesmo pior do que o narrado pela comunicação social. E há quem diga que até o Brasil já é mais seguro…
P.S. É sempre agradável ouvir os sábios do politicamente correcto a desculparem esta criminalidade. Exemplos:

1/ “Gueto aonde as realojam as pessoas moram e aonde moram em cima umas das outras”. Nos outros lados não moram em cima uns dos outros? Experimentem visitar o Gueto de S. Pedro do Estoril com vista para o mar. E já agora. Os que compraram casa nesses guetos e agora não a conseguem vender e escapar à violência diária?

2/ “Os pais de manhã cedo e só voltam à noite deixando os filhos sozinhos”. E os outros não trabalham e deixam os filhos sozinhos?

 

 

 

Era para fazer um post sobre este assunto, mas depois encontrei estes no CARVALHADAS, publicado pelo Dr. ASSUR e achei que já estava tudo dito... Trabalha Zé!

 

Postado por A.Torres

 

publicado por sá morais às 16:35
link do post | comente aqui! | favorito
|
Sexta-feira, 8 de Agosto de 2008

Desabafo da Andreia

 

Cheguei à Portela e nas televisões haviam imagens de tiroteios, que pareciam uma guerra! Coisa nunca vista ou, talvez, nunca filmada...

Pergunta parva: Esses senhores que andavam aos tiros foram presos??

 

Cheguei a casa e descobri que tinha novos vizinhos... Putas e porcos! Fui dar um passeio e apareceu-me um bardamerdas a pedir-me a moedinha, pensando que uma moça sozinha cede logo. Como não cedi, ameaçou-me e tratou-me mal... Expliquei que se me tocasse ( ou no carro ), na manhã seguinte teria de ser remontado no hospital...

Perguntei a um policia e ele disse que não podia fazer nada, apesar de a vontade ser outra...

 

Leis de merda!

 

Depois foi polícias a serem espancados, mais tiroteios, gente que não faz a ponta de um corno ( excepto malvadezes ) a fazer exigências, assaltos nas praias, bandidos a serem libertados...

 

Mas o que é isto? Saí uns meses e isto virou OK Curral?

 

Ontem vi finalmente justiça! Dois bandalhos ilegais levaram uns balázios e um deles já não volta a fazer o mesmo!

 

 Os snipers da polícia mereciam uma medalha!

 

Eles mostraram que este país nem sempre é uma bandalheira, um abrigo de criminosos!

 

 

O crime é uma doença? Aqui está o remédio... comprimidos de metal quentinho!!!!

 

Postado por A.Torres

 

publicado por sá morais às 17:24
link do post | comente aqui! | ver comentários (3) | favorito
|
Terça-feira, 15 de Julho de 2008

Estado da Nação...

Porto, 14 Jul (Lusa) - Dois assaltantes roubaram hoje em Gaia, por carjacking, um Mercedes que transportava ouro, baleando uma pessoa que surgiu em socorro do condutor, disse à Lusa fonte dos bombeiros.

O caso ocorreu cerca das 09:30 na Rua da Chavinha, em Vilar do Paraíso, Gaia, frente à Renault.

De acordo com o comandante dos Bombeiros de Valadares, Barros Loureiro, o condutor do Mercedes foi atacado quando tirava a viatura à saída da garagem da sua vivenda.

Um dos assaltantes assumiu logo o comando da viatura, enquanto outro tentou manietar a mulher do condutor, que auxiliava a manobra de saída da garagem.

A mulher "tentou resistir quanto pôde", acabou por ser agredida e não conseguiu evitar o roubo do veículo, onde transportava ouro em quantidade e valor não apurados.

Os assaltantes fizeram dois ou três disparos.

Os gritos da condutora e os disparos alertaram o funcionário de uma oficina da Renault, mesmo em frente, que veio em seu socorro, sem saber ainda que se tratava de "carjacking", acabando por ser baleado pelos assaltantes na mão esquerda.

Às 10:00, uma equipa de Emergência Médica estava no local a prestar assistência ao ferido.

Na última semana, o distrito do Porto registou pelo menos cinco casos de carjaking.

JGJ

 

Como se vê, tudo vai bem na República das Bananas...

picescin

 

publicado por sá morais às 19:18
link do post | comente aqui! | favorito
|
Sábado, 12 de Julho de 2008

Estado da Nação... ( ainda sobre Loures )

carlos lopes

Um comerciante se pedir uso e porte de arma legal, para proteger os seus bens, e a vida dos seus perante bandos armados, pedem-lhe tudo e alguma coisa mais, sabendo a policia onde está esta arma e a pessoa é tremendamente responsabilizada... mesmo defendendo-se. Estes senhores, da zona de Loures, têm armas ilegais, vivem em bandos de cerca de 30 ou mais, vêm na rua TODOS armados, a Policia, prende... DOIS! No dia seguinte o Sr.Juiz perante a Lei que temos, solta-os com termo de residência e até lá podem roubar e matar quem quiserem, e se forem menores, menos de 16 anos, nem sequer vão a julgamento, NUNCA. Perante LEIS TÃO ESTÚPIDAS, NÃO BSERÁ O MOMENTO DE AS ALTAS FIGURAS DA NAÇÃO, COMEÇAREM A SOFRER NA PELE, PARA SABEREM QUE DEVEM OLHAR PELA NAÇÃO, e deixarem-se de almoços e jantares e risos alarves, ENQUANTO OUTROS SOFREM??
TÊM ARMAS ILEGAIS, CANOS SERRADOS, E FICAM NA RUA A RIREM-SE DOS POLICIAS E DAS PESSOAS.???

 

Retirado de SAPO/LUSA

 

 

Conselho do Ideiasfixas2: PORTUGESES HONESTOS E TRABALHADORES NÂO SE DEIXEM DESARMAR!

publicado por sá morais às 20:03
link do post | comente aqui! | ver comentários (2) | favorito
|
Quarta-feira, 14 de Maio de 2008

Rapidinhas - Este país não é para gente honesta.

 Confederação de Prevenção de Tabagismo exige desculpas de Sócrates

O presidente da Confederação Portuguesa de Prevenção do Tabagismo considerou que o primeiro-ministro José Sócrates deve um pedido de «desculpas públicas» por ter fumado no avião que o levou para a Venezuela. Já o porta-voz da TAP entende que a lei só se aplica aos voos comerciais. in TSF
O porta-voz da TAP devia era dizer que as leis, neste país, só se aplicam aos cidadãos "vulgares", ao comum pagador de impostos...
 
ACP contesta explicações de presidente da Galp.
O presidente do Automóvel Club de Portugal não concorda que os sucessivos aumentos dos combustíveis tenham só a ver com a subida dos preços do petróleo, tal como defende o presidente da GALP. Já o fiscalista Saldanha Sanches classificou este aumento de «problema crónico». in TSF
E se nós não fossemos tão mansinhos, a GALP já teria certamente sofrido um embargo da população e teria repensado a sua politica de preços. Mas a malta prefere andar branda...
 
Agentes do corpo de intervenção e da ASAE espancados dentro de bar de alterne. Chefe da PSP mete cunhas e militar da GNR faz favores ao grupo. in CM
O que dizer? Este país tornou-se ele próprio uma casa de alterne! Quem alinha na pândega vai aproveitando, quem tenta acabar com o lixo é espancado. Este Portugal é mesmo um bordel...
 
 Juiz decide libertar assaltantes violentos ( 7 assaltos a carrinhas de valores, entre outros actos... ) com o argumento de integração social: afirmaram que tinham emprego. in CM
Além de ser um bordel, este país é também um desafio à racionalidade. Leis e juizes vindos da terra do Noddy e dá nisto - a bandidagem anda à solta e o cidadão que aguente... Que vergonha de país!
publicado por sá morais às 15:02
link do post | comente aqui! | ver comentários (1) | favorito
|
Sábado, 2 de Fevereiro de 2008

Diminuição da criminalidade...

Amadora, 02 Fev (Lusa) - Três homens encapuzados e armados com metralhadoras assaltaram hoje de manhã uma ourivesaria na Amadora, disse uma fonte da PSP.

Uma testemunha ocular contou à Lusa que, cerca das 11:00, viu três homens atravessarem a avenida Elias Garcia, onde se situa o estabelecimento, já encapuzados e cada um com a sua metralhadora em riste, começando a disparar mal entraram na ourivesaria.

"Levaram tudo o que havia para levar", disse a mesma testemunha, que relatou ainda que na fuga os três assaltantes deixaram cair algum do ouro roubado e tiveram ainda tempo para roubar malas a algumas mulheres que circulavam naquela zona de grande movimento da Amadora.

Sem ter nenhuma piada, mais este exemplo da redução da criminalidade, não deixa de ser cómico que os ladrões ainda tenham tido tempo para fazer um biscatezinho nas malinhas das senhoras que por ali andavam... Será que ainda tiveram tempo de ir fazer um xixizinho ou de ir carregar o telemóvel ao multibanco. Em Portugal dá para tudo...

publicado por sá morais às 13:29
link do post | comente aqui! | favorito
|
Segunda-feira, 3 de Dezembro de 2007

Queima que não é meu...

 

(Lusa) - O presidente francês, Nicolas Sarkozy, afirmou hoje que a violência urbana desta semana nos subúrbios norte de Paris "nada tem a ver com uma crise social" e é perpetrada por "vadios".

A calma regressou entretanto às zonas afectadas, como Villiers-le-Bel e os bairros circundantes, depois de duas noites consecutivas (domingo e segunda) de distúrbios originados pela morte de dois adolescente cuja motorizada chocou com um carro da polícia.

"Recuso qualquer forma de angelismo que vê em qualquer delinquente uma vítima da sociedade e em cada distúrbio um problema social", declarou Sarkozy num discurso pronunciado perante quase 2.000 polícias e gendarmes (polícia militarizada) sobre questões de segurança.

"O que se passou em Villiers-le-Bel não tem nada a ver com uma crise social, tem tudo a ver com delinquência", disse.

O presidente francês disse considerar que a solução passa por combater "a economia subterrânea" e, em especial, o tráfico de droga que conduz à "transformação de certas zonas em guetos e ao sequestro de populações inteiras que são as primeiras vítimas desses vadios".

Sarkozy reafirmou, por outro lado, que "tudo vai ser feito para encontrar" as pessoas que dispararam contra polícias durante os distúrbios e disse esperar que elas sofram "um castigo que esteja à altura do que fizeram".

 

    Tendo em conta o que aconteceu em 2005 e realidade dos países ocidentais, vejo-me forçado a concordar com Sarkozy. Também já começo a estar farto da vitimização dos criminosos, aquela conversa das justificações para o índole criminoso de certos individuos - era pobre, o pai batia-lhe, etc... Ora porra! Se a pobreza fosse justificação para se ser criminoso, estavamos mal! Então a criminalidade seria uma característica endémica de certos estractos sociais...

    Uma coisa é uma revolta social, outra é um motim de gente que apenas pretende roubar e vandalizar! E em 2005 o que se viu foi isso - roubo, espancamentos, vandalismo. Havia ali alguma motivação política, intelectual? Uma organização racional? Julgo que não. O que via era carros a arder, pessoas a serem assaltadas à descarada, espancadas só porque passaram no sitío errado à hora errada, estabelecimentos comerciais a serem roubados, etc... Se a luta destes "rebeldes de palystation" era contra o poder, porque não o atacaram directamente? Era mais fácil irem pegar fogo ao carro do vizinho, não era? Ou roubar umas carteiras para alimentarem o vício no dia seguinte...

    Imaginem estes "rebeldes de pacotilha" a fazer a Revolução Francesa... Que risada seria para a malta da Bastilha...  

publicado por sá morais às 21:37
link do post | comente aqui! | ver comentários (2) | favorito
|

IdeiasFixas

pesquisar

 

Agosto 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
13
14
15
16
17

18
19
20
21
22
23
24

25
26
27
28
29
30
31


conversa recente

Uma Casa sem Portas

Povo: Voltemos ao pelouri...

Que bem teria ficado uma ...

...

Viseu: Tiroteio em bairro...

A Faixa De GAZA tão perti...

Desabafo da Andreia

Estado da Nação...

Estado da Nação... ( aind...

Rapidinhas - Este país nã...

Ficheiros

Agosto 2013

Janeiro 2013

Fevereiro 2012

Outubro 2011

Setembro 2011

Julho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Fevereiro 2011

Março 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

tags

todas as tags

Amigos e Conhecidos

eXTReMe Tracker
We talk about everything! Visit us! Falamos de tudo um pouco! Visite-nos
Blog directory
Blog Directory & Search engine
Estou no Blog.com.pt
Blogalaxia

adopt your own virtual pet!

subscrever feeds