Quinta-feira, 20 de Agosto de 2009

Oficial da USAF admite que o maior mistério ufológico da Grã-Bretanha foi causado por alienígenas

Coronel Charles Halt




 

Durante anos, o maior mistério OVNI da Inglaterra foi encoberto, mas um alto funcionário da Força Aérea admite que um artefato "extraterrestre" visitou a base aérea da OTAN na Floresta de Rendlesham em dezembro de 1980.

O ex-Comandante da base aérea na época, Coronel Charles Halt, alega que mesmo que o incidente tenha sido encoberto posteriormente, "extraterrestres" fizeram um contato imediato em Suffolk.

Halt e um grupo de militares viram um OVNI triângular no ar, que deixou vestígios de radioatividade.



O Coronel Halt, agora reformado, disse ao investigador Gary Heseltine : "Os discos voadores que eu vi são máquinas estruturadas que se deslocam sob controle inteligente, e funcionam além do reino de qualquer coisa que eu já vi antes ou depois.
"Eu acredito que os objectos que eu vi de perto eram de origem extra-terrestre".
Ele acrescentou que a Força Aérea depois emitiu "desinformação" para manipular a opinião pública. Seus comentários foram saudados como "sensacionais" pelo antigo investigador de OVNIS do Ministério da Defesa, Nick Pope. Pope disse: "Isso pode nos ajudar finalmente a resolver o maior mistério ufológico britânico".
 
In Arquivos do Insólito
publicado por sá morais às 12:09
link do post | comente aqui! | favorito
|
Quinta-feira, 22 de Janeiro de 2009

MILHÕES VÊEM OVNI NA ARÁBIA SAUDITA


 

Espantosos eventos estão ocorrendo ao redor do mundo e nem uma palavra sobre eles é dita ou escrita no Ocidente.

 
Na Arábia Saudita na semana passada, aconteceu o que poderia ser muito bem a queda de um ovni.

O evento, testemunhado por literalmente milhões de pessoas, foi documentado, e existem várias fotos do objeto.


Fóruns em língua árabe estão agitados, com cidadãos que afirmam ter testemunhado o que está mesmo sendo descrito por alguns órgãos da normalmente conservadora imprensa da Arábia Saudita, como uma possível queda de ovni, ou um ovni que simplesmente executou manobras destinadas a assustar os humanos.

Outros dizem que o objeto foi um asteróide ou um satélite. As testemunhas esperam uma explicação dos meteorologistas locais, mas não receberam nenhuma resposta ainda.

Na quarta-feira, 7 de janeiro, após uma noite de orações, um forte ruído foi ouvido no céu, seguido do avistamento de uma grande e intensa luz a partir do oeste acima de Al-Qasim, região leste da capital da Arábia Saudita, Riyadh.

Muitos habitantes locais tinham visto meteoros antes, mas este, alegaram, não cabia na descrição típica: era de cor verde e azul e disparava lasers verdes.

Uma testemunha, Khalid, comentou: "Ninguém jamais viu nada assim".


Surpreendentemente o incidente não foi notícia no Ocidente, mas o objeto foi visto tão longe quanto o Kuwait.

A ausência completa dessa história na mídia ocidental é realmente surpreendente, já que não se trata de um incidente isolado, envolvendo poucas pessoas vendo coisas estranhas no céu. A polícia da Arábia Saudita recebeu milhares de ligações sobre o ocorrido.

Também foi relatado que milhares de pessoas ficaram aterrorizadas por aquilo que viram e ouviram, e muitos começaram a rezar.

Alguns até mesmo postaram mensagens na internet avisando que isso poderia ser um sinal de Deus para o Reino silencioso sobre Gaza.


Habitantes da região em que o objeto apareceu afirmam que ouviram uma explosão e sentiram um grande tremor, que indica que o objeto caiu.

O governo saudita não liberou informações relativas ao local da queda, mas se sabe que a área foi isolada.
 

 

Fonte: All News Web ( VIA ARQUIVOS DO INSÓLITO )
 

publicado por sá morais às 11:26
link do post | comente aqui! | ver comentários (4) | favorito
|
Terça-feira, 25 de Novembro de 2008

E se...

 

 

publicado por sá morais às 22:05
link do post | comente aqui! | favorito
|
Quinta-feira, 9 de Outubro de 2008

Vaticano admite que pode haver vida fora da Terra

 
O director do observatório astronómico do Vaticano, padre José Gabriel Funes, afirmou que Deus pode ter criado seres inteligentes em outros planetas do mesmo jeito como criou o universo e os homens.
 

"Como existem diversas criaturas na Terra, poderiam existir também outros seres inteligentes, criados por Deus", disse o director do observatório conhecido como Specola Vaticana.

 

"Isso não contradiz nossa fé porque não podemos colocar limites à liberdade criadora de Deus", acrescentou Funes, em entrevista ao jornal L'Osservatore Romano, órgão oficial de imprensa da Santa Sé.

 

Na entrevista ao jornal do papa, o padre Funes, jesuíta argentino de 45 anos de idade, cita São Francisco ao dizer que possíveis habitantes de outros planetas devem ser considerados como nossos irmãos.

 

"Para citar São Francisco, se consideramos as criaturas terrestres como 'irmão' e 'irmã', por que não poderemos falar também de um 'irmão extraterrestre'?", pergunta o padre. "Ele também faria parte da criação."

 

Perspectiva

 

Na opinião do astrónomo do Vaticano, podem haver seres semelhantes a nós ou até mais evoluídos em outros planetas, ainda que não haja provas da existência deles.

 

"É possível que existam. O universo é formado por 100 bilhões de galáxias, cada uma composta de 100 bilhões de estrelas, muitas delas ou quase todas poderiam ter planetas", afirmou Funes.

 

"Como podemos excluir que a vida tenha se desenvolvido também em outro lugar?", acrescentou. "Há um ramo da astronomia, a astrobiologia, que estuda justamente este aspecto e fez muitos progressos nos últimos anos."

 

Segundo o cientista, estudar o universo não afasta, mas aproxima de Deus porque abre o coração e a mente e ajuda a colocar a vida das pessoas na "perspectiva certa".

 

Padre Funes diz ainda que teorias como a do Big Bang e a do evolucionismo de Darwin, que explicam o nascimento do universo e da vida na Terra sem fazer relação com a existência de Deus, não se chocam com a visão da Igreja.

 

"Como astrónomo, eu continuo a acreditar que Deus seja o criador do universo e que nós não somos o produto do acaso, mas filhos de um pai bom", afirma.

 

"Observando as estrelas, emerge claramente um processo evolutivo, e este é um dado cientifico, mas não vejo nisso uma contradição com a fé em Deus."

 

Ateísmo

 

Na visão do religioso, estudar astronomia não leva necessariamente ao ateísmo.

 

"É uma lenda achar que a astronomia favoreça uma visão ateia do mundo", disse o padre. "Nosso trabalho demonstra que é possível fazer ciência seriamente e acreditar em Deus. A Igreja deixou sua marca na história da astronomia."

 
 

Director da Specola Vaticana desde 2006, padre Funes lembrou na entrevista que astrónomos do Vaticano fizeram importantes descobertas como o "raio verde", o rebaixamento de Plutão e trabalhos em parceria com a Nasa, por meio do centro astronómico do Vaticano em Tucson, nos Estados Unidos.

 

A sede do observatório do Vaticano se localiza em Castelgandolfo, cidade próxima de Roma, onde fica situado o palácio de verão do papa, desde 1935.

 

O interesse dos pontífices pela astronomia surgiu com o papa Gregório 13, que promoveu a reforma do calendário em 1582, dividindo o ano em 365 dias e 12 meses e introduzindo os anos bissextos.

Fonte: BBC
 in Arquivos do Insólito

 

 

publicado por sá morais às 11:16
link do post | comente aqui! | favorito
|
Quinta-feira, 2 de Outubro de 2008

Moradores filmam OVNI's no Vale do Paraíba

Sexta-feira, 25 de abril de 2008, 20:21

SÃO JOSÉ DOS CAMPOS - Luzes brancas coloridas apareceram no céu do Vale do Paraíba (SP) na madrugada de 25 de Abril de 2008 por cerca de uma hora e 30 minutos. Moradores de São José dos Campos, Caçapava e Jacareí registraram o fenómeno com câmaras de filmar. O engenheiro Valdinei Costa foi um dos que filmaram os pontos luminosos. Costa e a noiva ficaram assustados com o fenômeno e decidiram captar as imagens da janela do prédio, no Jardim Satélite, em São José dos Campos.

"Eu sei bem o que vi. Era uma luz branca grande de onde saltavam outras luzes coloridas menores." No Jardim Morumbi, os pontos no céu também foram avistados. O vigilante Davi Alves Rodrigues afirmou não ter dúvidas de que viu um disco voador. "Vi sim e não foi a primeira vez. Há quatro anos, isso também ocorreu."

As imagens foram analisadas pelo pesquisador Ricardo Varela, do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe), que também é ufólogo. Especialista no assunto, Varela descartou que as luzes possam ser de balões, aviões ou helicópteros. Para ele, é um objeto voador não-identificado (OVNI) ou até mesmo "um disco voador, eu acredito nisso". As imagens continuarão sendo analisadas por Varela.

Fonte
http://www.estadao.com.br/geral/not_ger163041,0.htm

 

publicado por sá morais às 00:45
link do post | comente aqui! | ver comentários (6) | favorito
|
Segunda-feira, 29 de Setembro de 2008

Equador autoriza publicação de arquivos secretos

Outros países como França, Chile, Grã-Bretanha e Brasil também já revelaram arquivos

Jaime Rodríguez é membro do CEIFOCom 44 depoimentos de oficiais da Força Aérea de Equador (FAE), assim como a desclassificação de dezenas de fotografias, 412 vídeos com reportagem aludindo o Fenómeno UFO/OVNI, das quais já foram analisadas 30, a Comissão Equatoriana para a Investigação Fenómeno Ovni (CEIFO) recebeu um comunicado do presidente do Equador, Rafael Correa, informando que os arquivos ufológicos secretos serão revelados ao público, com o único objectivo de que na sua administração exista uma transparência informativa, declarou em entrevista o coordenador nacional do CEIFO, Jaime Rodríguez.

Jaime Rodríguez é membro do CEIFO, órgão responsável pela divulgação dos arquivos ufológicos.

O ufólogo informou que recebeu um ofício subscrito pelo general Patrício Cárdenas, secretário do Conselho de Segurança Nacional comunicando que "o presidente da República autorizou ao Ministério de Defesa e às três armas a entregarem qualquer informação que possa existir em arquivos sobre os objetos voadores não identificados”. Rodríguez mencionou que "as Forças Armadas têm registrados uns 40 casos de avistamientos de UFOs e que 50% correspondem ao Exército, 25% à Força Aérea e os outros 25% à Marinha".

Por que essa mudança repentina por parte do presidente Rafael Correa e o vice-presidente Lenin Moreno?

É porque as duas autoridades já tiveram experiências de avistamentos de UFOs, e isso ajudou notóriamente, pois não havia que convencer ninguém de nada. No caso do primeiro, o presidente, em 1989, encontrava-se na Bélgica quando apareceram uns objectos muito luminosos e que se deslocavam silenciosamente no céu, e inclusive, foram perseguidos pela Força Aérea Belga. No caso do vice-presidente, ele estava a pescar na Laguna de Puyano quando viu uma nave extraterrestre.

Quem desejar mais detalhes desta entrevista acesse o youtube e coloque na busca:  “desclasificación ovni ecuador".

Fonte
http://www.ufo.com.br/index.php?arquivo=notComp.php&id=3908
publicado por sá morais às 00:37
link do post | comente aqui! | ver comentários (2) | favorito
|
Sábado, 27 de Setembro de 2008

LUZ ESTRANHA É VISTA NO NORTE DA AUSTRÁLIA


 

Uma luz estranha foi vista na estação de Muckaty no norte da Austrália por 6 testemunhas, três funcionários da estação e três turistas europeus. Os relatórios dizem que Ray Ayllet, Normie Hooker, e Alan "Doc" McIntosh, estavam sentados na pérgula da estação com três turistas quando avistaram acima da construção uma intensa luz brilhante. A luz seguiu em linha reta e desapareceu no leste. No dia seguinte o suposto ovni apareceu novamente, mas dessa vez seguia o sentido oeste.
 



Fonte: The Sun

 

Atenção que isto não ocorre apenas na Austrália...

publicado por sá morais às 11:24
link do post | comente aqui! | favorito
|
Quinta-feira, 25 de Setembro de 2008

Vídeo na web anuncia chegada de ETs em outubro

 

 

 

 

Uma mensagem supostamente enviada por extraterrestres, que está sendo divulgada em vídeos na web, anuncia a vinda de uma nave espacial à Terra no dia 14 de outubro, o que comprovaria a existência de outras formas de vida inteligente no Universo. A mensagem extraterrestre, que teria sido "canalizada" pela australiana Blossom Goodchild, anuncia a presença de uma nave-mãe sobre algumas regiões não-especificadas da Terra - apenas "Alabama" e "Hemisfério Sul" são mencionados - a partir de 14 de outubro, por um período mínimo de três dias. Blossom, que se define como "um meio profissional de canalização direta trabalhando com energias cósmicas e espirituais", diz ter contato com a entidade Federação de Luz, a quem é creditada a mensagem, desde 2007. O anúncio "ditado" pelos seres cósmicos da entidade foi feito em 1º de agosto e enviado por e-mail pela australiana a 128 pessoas, segundo ela mesma. A notícia se espalhou pela Internet e logo foi postada em forma de vídeo no YouTube. O vídeo se multiplicou, foi visto por milhares de internautas e ganhou até uma versão em português - que pode ser vista em http://tiny.cc/Awq0y, com a tradução da mensagem na íntegra. Acreditar ou não no novo boato eletrônico fica a cargo do internauta. De qualquer forma, não há motivo para pânico: a mensagem fala em amor e garante as boas intenções de nossos vizinhos.

Fonte: Portal Terra
 

 Pois... Esta é daquelas para rir...

publicado por sá morais às 18:36
link do post | comente aqui! | favorito
|
Quinta-feira, 18 de Setembro de 2008

CHEFE DE RADAR DA RAF VIU UMA FROTA DE OVNIS


Um perito da RAF (Royal Air Force), a força aérea britânica, revelou ontem como monitorou uma frota de ovnis com radares militares, e como o Ministério da Defesa Britânico exigiu silêncio.

O comandante da força aérea Alan Turner, 64 anos, observou 35 ovnis muito rápidos na tela do radar em 1971. Turner foi o principal operador do sistema de radares da RAF por 29 anos e se aposentou em 1995.

O comandante afirmou que os objectos voavam de uma altitude de 3000 pés, para 60000 pés a quase 300 milhas por hora e que de repente os ovnis sumiam da tela do radar, para momentos depois, reaparecerem.

Seis radares militares além dos operados em Heathrow avistaram os ovnis a leste da planicie de Salisbury.

Relatórios sobre o fenómeno inexplicável foram arquivados em 1971, e Turner fez até mesmo um mapa do vôo dos ovnis, incluindo os locais do aparecimento e desaparecimento dos sinais, como a base da RAF em Lynenham, Wilts, e o transmissor para navegação de aviões em Brookmans Park, Herts.

Três dias mais tarde, o Ministério da Defesa visitou a RAF, e a equipa de funcionários foi instruída a " nunca falar sobre o incidente novamente".

" Os ovnis são um facto, eu segui-os em unidades militares de radar. O que eu vi desafia a lógica, e francamente, é extraordinário. Não foi somente eu. Mais de 30 pares de olhos da equipe de operadores de radar da RAF e operadores do aeroporto de Heathrow testemunharam a mesma coisa.

É arrogante pensar que somos os únicos no universo".

" Eu soube imediatamente que não se tratava de uma esquadrilha de aviões militares, as únicas aeronaves com essa taxa de subida são os aviões supersônicos, mas eles não seriam capazes de realizar uma formação tão perfeita". Eles tambem fazem muito barulho, e ninguem ouviu nada na noite em questão".

O comandante Turner será o orador convidado na conferência Contactos Imediatos que se realizará no próximo mês em Pontfract, West Yorks.

Philip Mantle, da UFO Data Magazine, declarou: "Seu testemunho é notável".

Fonte: The Sun
 
 

 

publicado por sá morais às 17:42
link do post | comente aqui! | favorito
|
Sábado, 13 de Setembro de 2008

'Jesus Cristo viveu como alienígena', diz ufólogo em congresso

 
Alfredo Nahas diz que Bíblia mostra que Jesus 'não era daqui'. Economista deu palestra para cerca de 200 pessoas.

Como se a interpretação da Bíblia não gerasse muita discórdia entre céticos e cristãos, um ufólogo surpreendeu crentes e ateus no domingo (7), durante a palestra "Jesus, o Extraterrestre Incompreendido", no 12º encontro "Diálogo com o Universo", promovido na região de Botucatu, a 238 km de São Paulo.

 

 

O economista aposentado e ufólogo, Alfredo Nahas, de 63 anos, disse que Jesus Cristo realmente existiu, mas viveu na forma de um alienígena, concebido em outro planeta. "Jesus viveu como alienígena. Na Bíblia, ele dizia que não era daqui", argumenta o ufólogo Alfredo Nahas.

O economista aposentado vê passagens bíblicas como previsões da globalização e do contato com seres extraterrestres. Nahas acredita em vida fora da Terra e diz já ter visto uma nave espacial no Rio de Janeiro.

O ufólogo usa tais previsões em formas de parábolas bíblicas como verdadeiras. Segundo a interpretação de Nahas, um discurso bíblico em que Jesus Cristo diz ter vindo de outro lugar é o bastante para Nahas chamá-lo de ET. "Só acreditem se acharem que faz sentido", advertiu a platéia como cautela de críticas.

O ufólogo não era o único a considerar Jesus Cristo um ET no evento.
Uma participante o interpelou ao final da conferência para cerca de 200 pessoas: "É tudo o que sempre pensei", disse a admiradora.

publicado por sá morais às 10:42
link do post | comente aqui! | ver comentários (7) | favorito
|
Sexta-feira, 29 de Agosto de 2008

ESQUADRILHA DE OVNIS FILMADA NA ROMÉNIA



 

Um grupo de objetos voadores não identificados, entre nove e onze, segundo os observadores, foram filmados por um operador de câmara amador e por um fotógrafo quando voavam em formação simétrica sobre o céu de Sibiu, (centro da Roménia), informam os jornais Tribuna e Ziua.

"Turistas Estranhos" foi o título do jornal Tribuna sobre o fenómeno ocorrido na noite de 23 para 24 de agosto, captado em uma série de nove fotografias que mostram onze pontos luminosos que mudam de posição voando em formação.

Outra testemunha do curioso fenómeno, um operador de câmara amador, filmou da varanda de seu apartamento nove objectos que se moviam da esquerda para a direita. A testemunha telefonou imediatamente para o aeroporto de Sibiu que negou a presença de qualquer vôo no espaço aéreo naquele momento.

A gravação foi analisada por peritos em aviação que descartaram a possibilidade de se tratar de aviões ou helicópteros, segundo Alexandru Ivan, ex-comandante da unidade militar de aviação de Sibiu.

Os que fizeram as imagens insólitas colocaram o material a disposição de especialistas em objectos voadores não identificados, relatam as fontes. Na Roménia frequentemente são relatadas aparições de OVNIS, mas nunca foram acompanhadas de imagens tão claras.

Numa das últimas vezes, camponeses asseguraram que haviam visto sobre o céu uma silhueta voadora parecida com o super-homem.

Fonte: 20 minutos.es
 

arquivo conficencial

publicado por sá morais às 21:20
link do post | comente aqui! | favorito
|
Quinta-feira, 28 de Agosto de 2008

Hacker invade NASA e encontra arquivos secretos

Um hacker britânico, Gary Mckinnon, violou os computadores da NASA e afirma ter encontrado provas sobre os UFOS e existência alienígena. A notícia foi publicada no jornal Stampa de Torino em 8 maio de 2006

"Possuem a chave da energia inexorável e muitas fotos de astronaves", declarou Mckinnon, que pode pegar 60 anos de prisão. Acusado pelos EUA de ter causado danos de 700 mil dólares, e de ter passado dois anos procurando provas da existência UFO e tecnologia alienígena. E de ter encontrado as tais provas, alegou o jornal.

"Nos arquivos existem muitas fotografias de astronaves alienígenas. Outras foram excluídas para esconder a verdade", contou Mckinnon que hoje, na véspera de sua audiência, volta a falar com o programa "CLICK" da BBC para explicar como fez e o que encontrou nos computadores da NASA.

 

 



Fonte
http://painelovni.zip.net

 

IN

Arquivo do Insólito

publicado por sá morais às 10:04
link do post | comente aqui! | ver comentários (3) | favorito
|
Domingo, 24 de Agosto de 2008

Ministro da Defesa prepara exército para reagir aos OVNIs

Japan Air Self Defense Force - defending the sky and Earth

 

 

O ministro da Defesa japonês afirmou que a existência de OVNIs é plausível e que as tropas do país devem estar preparadas para reagir caso apareçam discos voadores. O número dois do Governo já havia defendido a mesma ideia.

«Nada nos permite negar a existência de objectos voadores não identificados (OVNIs) nem de uma forma de vida que os controle», declarou Shigeru Ishiba à imprensa, sublinhando que falava a título pessoal.

O ministro declarou que queria estudar como é que as Forças de Autodefesa do país podem reagir caso apareçam discos voadores. Devido à Constituição pacifista do Japão, as suas tropas só estão habilitadas a intervir no estrangeiro em operações em que um país seja invadido por outro.

«Nos filmes Godzilla, as Forças de Autodefesa estão mobilizadas», afirmou, expressando a sua surpresa pelo facto de já existir uma «estrutura legal» em caso de invasão extraterrestre.

Estes comentários do ministro surgem dois dias depois das surpreendentes palavras do número dois e porta-voz do Governo, Nobutaka Machimura, que disse estar «completamente convencido» da existência de OVNIs.

Machimura contradizia, «a título pessoal» uma resolução oficial do Conselho de Ministros que não «confirmava a existência de OVNIs», como resposta a uma pergunta de um senador.
 

publicado por sá morais às 19:49
link do post | comente aqui! | favorito
|
Sexta-feira, 22 de Agosto de 2008

1947 - O Caso Ilha Maury

Seis OVNIs são vistos na costa da Ilha Maury semanas antes do famoso incidente de Roswell.

Este evento aconteceu no dia 21 de junho de 1947, três dias antes da conhecida observação feita pelo piloto Kenneth Arnold, perto do monte Rainier, onde ele descreveu nove objetos estranhos como "discos voadores".

Por volta do meio-dia, quatro homens e um cachorro encontravam-se num barco, perto da costa de Tacoma, Estado de Washington. O dono do barco, Harold Dahl, e seus companheiros viram seis objetos em forma de rosquinhas pairando sobre o mar, a uma altitude de aproximadamente 650 metros. Um dos objectos parecia passar por problemas e despejava flocos prateados, semelhantes a papel de aluminio, bem como uma grande quantidade de um material comparado a "escória incandescente".

O disco aparentemente se recuperou, com a ajuda dos outros objetos, e foi embora. Dahl voltou ao caís, relatou a observação a um sujeito chamado Fred Christian, que mais tarde voltou ao local para investigar.

Depois da publicação da noticias sobre o caso na imprensa, várias pessoas demonstraram interesse pelas amostras. Dois oficiais da Força Aérea do Exército do Campo Hamilton, perto de São Francisco, interrogaram as testemunhas, recolheram amostras materiais e decolaram, rumo à base. O avião que os conduzia caiu perto de Kelson, em Washington, e os oficiais morreram no acidente.

Em termos puramente cientificos, esta cada vez mais claro que o fenómeno dos OVNIs não é apenas imaginário. Entretanto, as provas contra a teoria extraterrestre  acumularam-se durante a última década. Felizmente, existe um amplo espectro de teorias alternativas que ainda não foram sériamente exploradas pelos pesquisadores dos OVNIs. Eles precisam de factos pesquisar cuidadosamente cada detalhe, para reunir os factos, é preciso voltar aos locais onde os fenómenos foram observados.

Isso o programa "UFO Hunters" (Caçadores de OVNIs) está a fazer com propriedade. Os poucos programas que tive a felicidade de assistir, foram na grande maioria, excelentes. Trata-se de uma nova série do The History Channel onde 4 especialistas de diferentes áreas, como o auxílio da mais alta tecnologia, seguem as pistas em busca da verdade. Com arquivos de vídeos inéditos, documentos secretos e testemunhos de primeira mão, separam a ficção da realidade.

Assista ao episódio "Os OVNIs antes de Roswell" para conhecer melhor este caso e sua conclusão.

 

 

 

Clique para assistir as partes 2, 3, 4 e 5.

Fonte

http://br.geocities.com/rsmaike/OPBLMostras.html
http://www.thc.tv/pt/BR/thc/Series/UFO Hunters.html
 
In
 
http://arquivoconfidencial.blogspot.com/

 

 

publicado por sá morais às 14:39
link do post | comente aqui! | favorito
|
Terça-feira, 19 de Agosto de 2008

I want to believe...

Edgar Mitchell não foi o primeiro astronauta a falar abertamente sobre o assunto.

 

 

Em entrevista concedida esse mês ao radialista Nick Margerrison, o ex-astronauta da NASA Edgar Mitchell - 77 anos, participante do vôo da Apolo 14 à Lua - confirma a expectativa de toda a comunidade ufológica de que toda (ou pelo menos parte) da verdade sobre o fenômeno UFO está para ser admitida pelo governo americano e, por consegüinte, uma provável abertura dos arquivos secretos. Na entrevista ele diz que a divulgação será ainda este ano ou no ano que vem.

Mitchell afirmou "vi algumas fotos e a aparência dos extraterrestres é similar a imagem tradicional que está difundida sobre eles, que são de tamanho pequeno e grandes olhos e cabeça, estranhos para os seres humanos", e que "contam com avançada ciência e tecnologia, incomparáveis às ciências humanas". Adiantou que "se eles fossem hostis à raça humana, já teríamos desaparecido".

"Fui muito privilegiado em ter estado num grupo restrito que sabe que temos tido visitas em nosso planeta e que o fenômeno OVNI é real. Existem extraterrestre e muitos OVNIs têm visitado a Terra e realizado contatos de terceiro grau com funcionários da NASA. Estive nos círculos militares e de inteligência, que sabem mais do que o público; sim, temos sido visitados. E, lendo os arquivos recentes, vi que isso ocorreu várias vezes. É real o Caso Roswell."

"Digo que me atrevo a revelar a verdade sobre as visitas dos extraterrestres à Terra e que não temo pela minha própria segurança. Outros astronautas também o sabem, há anos. Armstrong também viu OVNIs". Segundo dizem, ao aterrissar na Lua com o módulo lunar Eagle, ele viu três OVNIs de 15 a 30 metros de diâmetro. Convém notar que Amstrong deu uma declaração bem críptica na cerimônia dos 25 anos da missão Apollo 11, onde disse aos estudantes: "Vocês estão entre os melhores da América. Pra vocês digo que só completamos o começo. Deixamos a vocês muitas coisas por fazer. Há grandes idéias não-descobertas... Avanços disponíveis para aqueles que removerem uma das camadas que protegem a Verdade".

Sem demora, autoridades da NASA se apressaram em desmentir que a agência tenha qualquer envolvimento com OVNIs e negou estar envolta em algum tipo ocultamento de informações sobre a vida extraterrestre neste planeta ou em qualquer outro lugar do universo. Segundo eles, "Edgar Michel é um grande estadunidense, mas a NASA não compartilha de suas opiniões sobre o assunto".

Mitchell não foi o primeiro astronauta a falar abertamente sobre o assunto. Edwin "Buzz" Aldrin Jr viu e filmou, junto com os colegas, um UFO que parecia acompanhar a nave. Veja a entrevista (com a filmagem) aqui:

 

 

 

Gordon Copper também já falou sobre OVNIs e o caso Roswell, e neste vídeo ele fala sobre um UFO que filmou POUSANDO aqui na Terra (mostrando trens de pouso e tudo) e cujo conteúdo foi confiscado pela aeronáutica:
 

 

 

 

in http://arquivoconfidencial.blogspot.com/

 

publicado por sá morais às 17:17
link do post | comente aqui! | favorito
|
Segunda-feira, 28 de Julho de 2008

Apollo 14 astronaut claims aliens HAVE made contact - but it has been covered up for 60 years

 

Aliens have contacted humans several times but governments have hidden the truth for 60 years, the sixth man to walk on the moon has claimed.
 

Apollo 14 astronaut Dr Edgar Mitchell, said he was aware of many UFO visits to Earth during his career with NASA but each one was covered up.

Dr Mitchell, 77, said during a radio interview that sources at the space agency who had had contact with aliens described the beings as 'little people who look strange to us.'

He said supposedly real-life ET's were similar to the traditional image of a small frame, large eyes and head.

Chillingly, he claimed our technology is 'not nearly as sophisticated' as theirs and "had they been hostile", he warned 'we would be been gone by now'.

Dr Mitchell, along with with Apollo 14 commander Alan Shepard, holds the record for the longest ever moon walk, at nine hours and 17 minutes following their 1971 mission.

'I happen to have been privileged enough to be in on the fact that we've been visited on this planet and the UFO phenomena is real,' Dr Mitchell said.

'It's been well covered up by all our governments for the last 60 years or so, but slowly it's leaked out and some of us have been privileged to have been briefed on some of it.

'I've been in military and intelligence circles, who know that beneath the surface of what has been public knowledge, yes - we have been visited. Reading the papers recently, it's been happening quite a bit.'

Dr Mitchell, who has a Bachelor of Science degree in aeronautical engineering and a Doctor of Science degree in Aeronautics and Astronautics claimed Roswell was real and similar alien visits continue to be investigated.

He told the astonished Kerrang! radio host Nick Margerrison: "This is really starting to open up. I think we're headed for real disclosure and some serious organisations are moving in that direction.' 

Mr Margerrison said: 'I thought I'd stumbled on some sort of astronaut humour but he was absolutely serious that aliens are definitely out there and there's no debating it.'

 Officials from NASA, however, were quick to play the comments down.
 

In a statement, a spokesman said: "NASA does not track UFOs. NASA is not involved in any sort of cover up about alien life on this planet or anywhere in the universe.

'Dr Mitchell is a great American, but we do not share his opinions on this issue.' 

 

Versão portuguesa

 

O sexto homem a andar na superfície lunar disse que alienígenas já contactaram os humanos por diversas vezes mas os governos escondem a verdade por mais de 60 anos.

Edgar Mitchell foi o piloto do Módulo Lunar da Apollo 14.

O astronauta da Apollo 14, Dr. Edgard Mitchell, disse que soube de muitas visitas de OVNIs na Terra durante sua carreira na NASA, mas, que todas elas foram acobertadas.

Dr. Mitchell, 77, disse durante uma entrevista no rádio que fontes na Agência Espacial que tiveram contatos com Aliens os descreveram como sendo "pequenas pessoas que parecem estranhas para nós".

Ele disse que os ETs reais são similares a imagem tradicional que conhecemos de um corpo pequeno com olhos e cabeça grandes.

Friamente, ele disse que nossa tecnologia não "chega nem perto da deles" e se eles tivessem sido hostis "nós já não estaríamos aqui".

Dr. Mitchell, junto com o comandante da Apollo 14 detém o recorde da caminhada lunar mais longa de 9 horas e 17 minutos na missão de 1971.

Eu fui privilegiado o bastante para saber do fato de que nós já fomos visitados neste planeta e o fenômeno OVNI é real, disse o Dr. Mitchell.

"Isso foi muito bem acobertado pelos nossos governos pelos últimos 60 anos, mas, lentamente está vazando e alguns de nós fomos privilegiados em sermos informados um pouco sobre isso".

"Eu estive em círculos militares e de inteligência, que sabem além do conhecimento público e sim, nós estamos sendo visitados. Lendo os jornais recentemente, isso vem acontecendo bastante".

Dr. Mitchell, que tem Bacharelado em Engenharia Aeronáutica e Doutorado em Aeronáutica e Astronáutica disse que Roswell foi real e visitas alienígenas similares continuam a ser investigadas.

Ele disse ao assombrado radialista Nick Margerrison da rádio Kerrang!: "Isso está realmente começando a se abrir. Eu acho que estamos caminhando em direção a uma real revelação e algumas organizações sérias estão se movendo nesse sentido".

Nick Margerrison disse: "Eu achei que fosse algum tipo de humor de astronauta mas ele estava falando absolutamente sério sobre aliens estarem definitivamente lá fora e sobre não haver discussão sobre isso".

Oficiais da NASA, entretanto, foram rápidos em subestimar os comentários.

Em uma declaração, um porta-voz disse: "A NASA não rastreia OVNIs. A NASA não está envolvida em nenhum tipo de acobertamento sobre vida alienígena neste planeta ou em qualquer lugar do Universo".

 Fonte/Source: Daily Mail UK ( UFOarea Brasil)

publicado por sá morais às 23:14
link do post | comente aqui! | ver comentários (6) | favorito
|
Sábado, 28 de Junho de 2008

Ovnis - Brasil

 

The 1958 Trindade Island Brazil "saturn"-shaped UFO was photographed while being seen by more qualified observers than any other sighting.

When ufologists can't find strings, shadows or signs that a UFO photo is faked, they question the credibility of the photographer and witnesses. Trained observers -including pilots, ship captains etc- are generally considered good witnesses. It is the credibility of the 47 crew members on the deck of the Brazilian Navy ship "Almirante Saldanha" that makes the Trindade, Brazil UFO photos so interesting.

As part of its contribution to the 1957-58 International Geophysical Year, the Brazilian Navy set up a weather station on the small rocky island of Trindade, in the south Atlantic Ocean. Observers began spotting unusual aerial activity visually and on radar. At noon on 16-Jan-1958, the UFO shown here appeared for a few seconds within view of the ship's company. The incident was not isolated, but at least five other sightings had occurred in the island or near the water during the end of 1957 and in January 1958.

The crew onboard saw a grey object approach the island, fly behind a mountain peak and then do a acute-angle turn around and head back the way it came, disappearing at high speed over the horizon. Among those present was civilian photographer Almiro Barauna, who snapped a series of 6 photos in intervals of ~15 seconds, of which 4 showed the UFO. After the ship returned to port, the photos, which had been developed on board in a makeshift darkroom, were turned over to the Brazilian Navy Ministry. Analysts determined the photos to be authentic and concluded they showed a diskoid object moving at 900-1000Km/hr.

According to Capt. Viegas, the object was like a flattened sphere encircled at the equator by a large ring or platform. In Barauna's words, "...it made no noise, although with the shouting of the people on the deck and the noise of the sea, I cannot be certain. It had a metallic look, of an ash color, and has like a condensation of a green vapor around the perimeter, particularly in the advancing edge. Its motion was undulating, like the flight of a bat."

The photos were later released to the Press by the President of Brazil, Mr Joscelino Kubitschek

tags: , ,
publicado por sá morais às 21:51
link do post | comente aqui! | favorito
|
Terça-feira, 24 de Junho de 2008

Dragon Triangle - Japan Mysteries Part 2 ( Hyouryuukishuu )

The Iwase Bunko Library has in its possession a document entitled Hyouryuukishuu (”Tales of Castaways”), which was printed during the late Edo period (1603-1868).

Edo-period UFO scroll

The document recounts the stories of Japanese sailors who find themselves in foreign lands after becoming lost at sea, as well as castaway foreigners washed ashore on the beaches of Japan. To the Japanese people, who at the time had been living in a prolonged period of national isolation, these exotic tales must have seemed very fantastic.

Among these stories is the account of a wrecked ship with a very mysterious appearance.

Edo-period UFO scroll

According to the document, this vessel washed ashore at Harashagahama in Hitachi-no-kuni (present-day Ibaraki prefecture). The body of the ship, described as 3.3 meters tall and 5.4 meters wide, had been built from red sandalwood and iron and was fitted with windows of glass or crystal. The mysterious characters of an unknown alphabet were found inscribed inside the vessel.

Edo-period UFO scroll

Aboard the drifting vessel was a finely dressed young woman with a pale face and red eyebrows and hair. She was estimated to be between 18 and 20 years old. Because she spoke an unfamiliar tongue, those that encountered her were unable to determine from whence she came. In her arms she clutched a plain wooden box that appeared to be of great value to her, as she would allow nobody to approach it.

The document shows a portion of the text found inside the ship (see left).

Other Edo-period documents describe variations of this mysterious encounter. Toen Shousetsu (1825), a book by Kyokutei Bakin (who is most famous for his 106-volume samurai epic Nansou Satomi Hakkenden) tells the story of the same encounter, referring to the strange vessel as the utsuro-fune (”hollow ship”). Another variation of this tale appears in Ume no Chiri (1844), penned by a relatively unknown author named Nagahashi Matajirou. A thorough analysis of these two variations of the story can be found in a translated article by Kazuo Tanaka titled “Did a Close Encounter of the Third Kind Occur on a Japanese Beach in 1803?

( Pink Tentacle )

 

publicado por sá morais às 23:02
link do post | comente aqui! | favorito
|
Segunda-feira, 23 de Junho de 2008

Dragons Triangle - Japan Mysteries Part 1

The Dragon's Triangle is the antithesis of the Devil's Triangle or Bermuda Triangle which lies off the coast of Florida. The Dragon's Triangle is situated off the coast of Japan almost on the same parallel on exactly the opposite side of the world. Just like the Bermuda Triangle the Dragon's Triangle has generated stories for centuries of strange unworldly events. The Dragon's Triangle however has produced much richer details of highly sophisticated flying craft that enter and leave the waters just off the coast of Japan. These flying craft possess amazing capabilities, according to dozens of eyewitness that have observed the craft. These machines can fly at great speeds and maneuver in any direction with tremendous agility. Perhaps the most impressive capability of these craft are their underwater operations. The craft enter the ocean at high rates of speed and dive or skim just under the surface. The wake created when entering or leaving the water can lift a large ocean vessel dangerously high out of the water. Tales of many ships and crew being lost to these treacherous waters goes back thousands of years. More recently Japan lost five military vessels between 1952 and 1954 with combined crews of 700. Japanese Naval officials alarmed by the loss commissioned a research vessel in 1954 with 31 scientists aboard to investigate the strange disappearances. The Kaiyo Maru No. 5 was sent into the heart of the Dragon's triangle and was never heard from again. The Japanese government quickly declared the area a hazard and extremely dangerous to shipping.

Japan has a rich and fascinating history with regards to UFOs. The culture has recorded many accounts of encounters with UFOs and their operators. One painting discovered on a cave wall documents two UFOs and their pilots hovering over a herd of wild game animals holding weapons that look like rifles and taking aim at the herd. This is a matter of fact illustration created by someone who most likely witnessed this event. This would seem to have very powerful ramifications. Dozens of these incredible images are known to exist, another color image from 900 A.D. clearly addresses the siting of a flying disc. The highly technical drawing features portals and what appears to be a hatch at the top of the vehicle. One myth that ties all of the recorded sitings together is the enigma of the Dogu. The Dogu figurines have been showing up for centuries, these little clay figures embody the epitome of the modern alien. Thousands have been found and they are believed to be thousands of years old many perhaps dating back 12,000 years. The detail of the figurines is stunning if looked at with modern understanding. The Dogu appear to be wearing a pressure suit. This suit is depicted with valves, gauges, vents, hoses, fittings and a very sophisticated helmet that features large goggles with articulating irises. On the surface these figures could represent the pilots of the craft that have been seen for centuries emanating from the Dragon's triangle. The suits wore by the Dogu could have been both protection from the vacuum of space and the pressures of the deep ocean. One ancient Japanese myth describes how the Dogu came from the ocean each day out onto the land to assist villagers. The Dogu gave instructions to the primitive people on virtually every subject and helped them with learning how to make everyday life easier and more enjoyable. What ever the inspiration for the Dogu figurines it was powerful. The clay spacemen have been found all over the entire country and in great numbers. It is possible that they were seen and interpreted as gods. Their popularity undoubtedly spread across the whole ancient Japanese culture and they were warmly worshiped. Is the Dragon's Triangle just an unstable geological vortex? Are the hundreds of sightings of advanced flying craft a side effect of ocean sickness? In the Atlantium continuum the answer is "NO". In a court of law an overwhelming preponderance of evidence can send a man to the gallows without one stitch of physical evidence. If this same tenant were to be applied to the mystery of the Dragon's Triangle the conclusions could be simply astonishing. ATLANTIUM. Roc Hatfield/Author
 

publicado por sá morais às 23:56
link do post | comente aqui! | ver comentários (2) | favorito
|
Terça-feira, 10 de Junho de 2008

Portal UFO - Brasil

A profundidade e diversidade da rica casuística portuguesa na visão da entidade de pesquisas mais ativa do país

Foto ilustra montagem de UFOs em Portugal
Em Portugal, a adopção do termo disco voador por parte da imprensa e da população em geral, para descrever fenómenos aéreos não identificados que começaram a ser relatados no meio do século passado, teve origem na expressão flying saucer, criada pela média norte-americana após o avistamento do piloto Kenneth Arnold, em Junho de 1947. À medida que surgiam mais relatos na imprensa portuguesa, descrevendo manifestações aéreas inusitadas e com formas e características variadas, o uso do acrônimo OVNI, de objecto voador não identificado – tradução direta do termo unidentified flying object – tornou-se necessário. Hoje em dia, o termo OVNI é o mais utilizado pela população do país para descrever o fenômeno ufológico, estando, no entanto, muito associado à hipótese extraterrestre. Existe, contudo, outra denominação que começa a ganhar alguma notoriedade no país, a sigla FANI, de fenómeno aéreo não identificado, cuja utilidade reside na constatação de que uma grande percentagem dos avistamentos não corresponde exactamente àquilo que poderia ser designado como um objecto.

É possível encontrar relatos de OVNIs na própria história da formação de Portugal. No país, a observação de fenómenos aéreos de difícil identificação remonta a épocas muito anteriores ao século XX. No entanto, é de se salientar que, durante muitos séculos, a maior parte dessas ocorrências foi interpretada e vivenciada como manifestações religiosas. Podemos então identificar dois tipos de observações: aquelas que remetem desde logo para a religião e aquelas que, desde o primeiro momento, se viram sempre envoltas em dúvida e mistério. Do primeiro tipo, as de interpretação religiosa, geralmente designadas como aparições, existem muitos casos conhecidos, sendo que alguns deles estão verdadeiramente entrelaçados com a história portuguesa. Um bom exemplo é a lenda que relata a aparição de Jesus Cristo a dom Afonso Henriques, que viria a ser o primeiro rei de Portugal, antes da Batalha de Ourique.

Essa importante batalha, ocorrida em 25 de Julho de 1139, foi determinante para a instauração do reino português. Dela, cinco reis mouros saíram derrotados. O feito adquiriu tal importância no contexto internacional da época que, a partir daquela data, dom Henriques passou a utilizar o título de rei – da expressão rex – e o reino português passou a ser ainda mais reconhecido no mundo. A descrição da aparição, chamada de Milagre de Ourique, surge na obra Anais de Santa Cruz de Coimbra. Segundo estes documentos, Jesus Cristo teria aparecido ao monarca no céu dentro de um raio luminoso, rodeado de anjos, a incitar à vitória sobre os muçulmanos. Como esta, outras aparições marcaram a história e o destino de Portugal durante os subsequentes séculos até o XX.

Um caso que é hoje utilizado como referência por parte da Ovnilogia moderna [Ufologia moderna] como exemplo de OVNI em formato de cruz ocorreu em 1513, no Mar Vermelho. Não existe certeza quanto à data, mas se crê ter sido no mês de Abril que dom Afonso de Albuquerque, segundo vice-rei da Índia portuguesa, avistou no céu uma cruz vermelha e resplandecente. Comandava uma frota de naus e viu o fenómeno na direcção do poente. A ele se sobrepôs uma nuvem que acabou por se dividir sem interferir com a cruz ou reduzir sua luminosidade. O fato foi interpretado como sinal divino, redentor e encorajador, uma vez que a navegação estava difícil na época. O fato se encontra relatado na primeira pessoa pelo próprio dom Albuquerque, em carta enviada ao rei, dom Manuel I, em Dezembro daquele ano. Posteriormente, foi descrito pelo historiador João de Barros.

Fenómenos na Antiguidade Existem ainda outros casos que foram incluídos na categoria de fenómenos aéreos não explicados por não serem imediatamente associados à religiosidade. Um exemplo consiste na observação de um notável fenómeno nos céus de Castelo de Vide, no Alentejo, em 1726. Conforme descrito na Gazeta de Lisboa, de 07 de novembro daquele ano, o fenómeno ocuparia uma considerável área do céu, em formato de serra de cor vermelha. O artigo refere ainda ao tamanho estimado de quatro léguas, cuja largura corresponderia a um terço do comprimento. Das descrições, consta ainda a referência a raios de luz provenientes do objecto, que iam perdendo e recuperando a cor. O fenómeno durou horas, sendo que, após um acréscimo de intensidade luminosa, esta foi diminuindo até que todo o fenómeno desapareceu por completo quando a noite já ia alta. O mesmo jornal, que era um veículo de referência na época, informou ainda que, dias antes, algo idêntico teria sido observado mais ao sul. Também é bastante conhecido na Ovnilogia Portuguesa que o grande terramoto de 01 de novembro de 1755 foi precedido pela observação de diversos globos de luz intensa sobre vários pontos do país.

 
Um dos mais interessantes casos portugueses, este avistamento ocorrido na localidade de Alfena, em setembro de 1990, foi registrado em foto. O objeto foi descrito como tendo aspecto metálico. No detalhe, um artefato voador não identificado esférico registrado em 1947

 
A tragédia destruiu 85% das construções de Lisboa e é considerada responsável pela morte de 90 mil lisboetas. Todavia, muito provavelmente, tal luminosidade é o que a ciência denomina “luzes de terramoto”, um fenómeno de origem natural, ainda que controvertida, que ocorreria durante o cataclismo. A primeira observação deu-se em 15 de outubro, quando foram vistos, por várias vezes, globos voadores imensamente iluminados. Outras observações ocorreram em 08 de novembro, em que apareceram três “luas” sobre a cidade de Viseu, entre 14h00 e 15h00. Estas ocorrências encontram-se registadas nas gazetas da época e são passíveis de consultas no arquivo geral da Torre do Tombo, que conta já com 600 anos de existência [A Torre do Tombo é o repositório da história portuguesa, como o Arquivo Nacional é da história brasileira].

Importante contribuição dos pioneiros — Tais relatos começaram a ser encarados como potenciais OVNIs somente no século XX. Esse próprio século encontra-se recheado de avistamentos ocorridos tanto em Portugal continental como na suas ilhas, sendo que, com o advento da Ovnilogia como área multidisciplinar, muitos deles foram de imediato averiguados e outros só mais tarde foram resgatados por investigadores interessados. Os portugueses, ao longo das últimas décadas, não só acompanharam o que se passava no exterior, através dos meios de comunicação social, como vivenciaram fenómenos em seu próprio território.

O país reflecte algumas das muitas observações de OVNIs de âmbito internacional, sendo esta correlação mais notória durante a década de 50. Apesar de ter sido comum na imprensa portuguesa, durante a época da ditadura, notícias sobre a observação de discos voadores, não houve organização de grupos civis de investigação. Há, no entanto, algumas personalidades interessadas que divulgaram o tema, das quais podemos destacar o jornalista Hugo Rocha, autor dos primeiros livros portugueses sobre OVNIs, e também Sánchez Bueno, com várias obras sobre o assunto. Bueno compilou tal número de notícias sobre avistamentos que, mais tarde, já nos anos 70, fundou o Centro de Estudos Cosmológicos e Parapsicológicos (CECOP), em Lisboa. Contudo, o cenário alterou-se completamente depois da Revolução dos Cravos, em abril de 1974, e do regresso da democracia, crescendo o interesse por novas ideias e assuntos tabus, entre os quais estavam os OVNIs.

Apesar de ter sido formado em 1973, ainda no período pré-democrático, o Centro de Estudos Astronómicos e de Fenómenos Insólitos (CEAFI) é uma das mais importantes associações da história ovnilogia portuguesa. A entidade cresceu, em conjunto com outros grupos, na segunda metade dos anos 70, verdadeira época de ouro da Ovnilogia Portuguesa, quando existia não só maior número de grupos de investigação como publicações sobre a temática.

Leia esta matéria na íntegra adquirindo a Revista UFO 142 nas bancas.
 
Autor: Equipe SPO
Fonte: UFO 142
Crédito da foto: Giuseppe Colinni e Jim Nichols

publicado por sá morais às 23:59
link do post | comente aqui! | ver comentários (6) | favorito
|

IdeiasFixas

pesquisar

 

Dezembro 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
16
17
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
31


conversa recente

Oficial da USAF admite qu...

MILHÕES VÊEM OVNI NA ARÁB...

E se...

Vaticano admite que pode ...

Moradores filmam OVNI's n...

Equador autoriza publicaç...

LUZ ESTRANHA É VISTA NO N...

Vídeo na web anuncia cheg...

CHEFE DE RADAR DA RAF VIU...

'Jesus Cristo viveu como ...

Ficheiros

Dezembro 2015

Setembro 2015

Julho 2015

Junho 2015

Agosto 2013

Janeiro 2013

Fevereiro 2012

Outubro 2011

Setembro 2011

Julho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Fevereiro 2011

Março 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

tags

todas as tags

Amigos e Conhecidos

eXTReMe Tracker
We talk about everything! Visit us! Falamos de tudo um pouco! Visite-nos
Blog directory
Blog Directory & Search engine
Estou no Blog.com.pt
Blogalaxia

adopt your own virtual pet!

subscrever feeds